..:: Hospital Dom João Becker ::..

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Notícias
   
<< voltar
 
31/07/2018 - Santa Casa incorpora Hospital Dom João Becker
 
Solenidade de entrega de chaves ocorreu nesta terça-feira (31/07), quando a instituição gravataiense passou a integrar o complexo hospitalar da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre

Após estudos de viabilidade que tiveram início em fevereiro desse ano, amplo debate e anuência da Mesa Administrativa da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre e acertos operacionais tanto com a Sociedade Educação e Caridade (Mantenedora do HDJB) como com a Prefeitura de Gravataí, e, concordância do Ministério Público das Fundações, a partir de 1ª de agosto de 2018 a Santa Casa de  Misericórdia de Porto Alegre será a nova mantenedora e administradora do Hospital Dom João Becker (HDJB), vindo este a integrar o patrimônio do complexo hospitalar, atendendo tanto usuários do SUS como de convênios e particulares. "A Santa Casa está profundamente empenhada em manter o trabalho humanizado desenvolvido pelas Irmãs do Imaculado Coração de Maria, qualificando a gestão e os serviços de acordo com o padrão de excelência desempenhado nos demais hospitais da instituição", informa Julio Matos, diretor geral da Santa Casa.

Próximos passos

Em um primeiro momento, a Santa Casa procederá uma transição sem que haja descontinuidade nos serviços hoje prestados no Hospital Dom João Becker. Para isso, ela está assumindo todo o quadro de recursos humanos, bem como mantendo todos os contratos vigentes, especialmente na área médica.

A seguir, serão integrados todos os serviços médicos do HDJB aos da Santa Casa, buscando estabelecer padrões, protocolos e aperfeiçoamentos na dinâmica do processo assistencial. Pretende-se também, em curto prazo, estabelecer paridade entre os processos de trabalho do HDJB com o modelo de gestão da Santa Casa, "incluindo o que diz respeito ao desenvolvimento de recursos humanos com o seguimento - também em Gravataí - do Jeito Santa Casa de Ser, que se baseia nos contextos do cuidar, acolher e conviver", completa Matos.

Já estão previstas, no plano de viabilidade, as necessidades sequenciais de investimentos, especialmente de tecnologias de imagem e adequações em algumas áreas assistenciais. Assim como também deverá ocorrer a amplitude da assistência com uma melhor estruturação nas áreas de especialidades médicas a serem disponibilizadas, como também uma perspectiva de desenvolvimento de ampliação da assistência a convênios e particulares. Sendo esta, uma forma de assegurar a adequação do custeio da organização, conjugando os valores hoje disponibilizados pelos municípios ao Sistema Único de Saúde a necessária complementariedade que as instituições fazem tendo em vista o déficit do SUS.

Matos acrescenta: "A Santa Casa deseja poder trabalhar com o gestor municipal de Gravataí uma melhor estruturação do sistema de saúde do município, com uma integração dos recursos assistenciais disponíveis desde a assistência básica da cidade, aos Programas de Saúde da Família, especialidades, diagnósticos, até a assistência hospitalar". Ainda, a longo prazo, estima-se a edificação de novas unidades assistenciais, em terreno onde atualmente está localizada a moradia das Irmãs do Imaculado Coração de Maria. "O objetivo central de tudo isto é de que a população de Gravataí, em um futuro próximo, possa dispor - em sua própria cidade - tudo o que ela necessitar de assistência de média e alta complexidade, e que possa com isso, também facilitar e agregar valor à economia local", finaliza o diretor.

A Santa Casa

O Hospital Dom João Becker será a oitava unidade de saúde da Santa Casa, que já conta com outras sete existentes no quarteirão localizado no Centro Histórico de Porto Alegre: Hospital Santa Clara, Hospital São Francisco, Hospital São José, Pavilhão Pereira Filho, Hospital Santa Rita, Hospital da Criança Santo Antônio e Hospital Dom Vicente Scherer. O complexo também realiza, há mais de um ano, a gestão do Hospital de Santo Antônio da Patrulha. A instituição possui 1.060 leitos (60% SUS), 285 consultórios, 55 salas cirúrgicas, 147 leitos de Terapia Intensiva, 6.653 funcionários e 2.226 médicos. Realizou, em 2017, 887.680 consultas, 52.887 internações, 65.096 procedimentos cirúrgicos e obstétricos, 5.933.567 diagnósticos e tratamentos, totalizando 6.939.230 procedimentos. Importante destacar que 66% pacientes/dia desse volume de serviços foram prestados a pacientes do Sistema Único de Saúde, conforme a legislação da filantropia.

Entenda

A Santa Casa não comprou o Hospital Dom João Becker. Trata-se de uma doação onerosa por parte da Sociedade de Educação e Caridade (SEC) à Santa Casa. Ou seja, em contrapartida à doação do hospital, caberá à Santa Casa prestar atendimento às Irmãs integrantes da SEC pelo prazo de 20 anos, além de manter a missão da casa de saúde, que é, como a da Santa Casa, prestar atendimento em saúde com excelência a todas as pessoas, principalmente os usuários do SUS.

Texto: Adriana Contieri Abad 

Foto: Alexandre Fritsch